Manutenção Predial, como otimiza-la?

manutenção predial

Com a manutenção predial você consegue economizar um bom dinheiro, manter seu patrimônio em segurança e evitar problemas de saúde para você e seus funcionários… além de manter toda sua empresa funcionando e não perder clientes.

Se você é dono da empresa ou é o responsável pela gestão de facilities, já deve saber a importância dessa manutenção. Mas se você ainda tem alguma dúvida, ou se caiu de paraquedas nesse assunto, não se preocupe, até o final desse texto vai ter compreendido muita coisa importante!

Primeiramente, a manutenção predial é aquilo que cuida de toda uma edificação. Como andam as instalações elétricas da sua empresa? Assim como instalações de gás, hidráulicas? O teto, as paredes, os elevadores, os portões estão bem conservados?

E quanto à higiene? Já verificou se tem algum ambiente com mofo? Quando foi a última manutenção do ar condicionado? Pode ser que ele esteja apenas proliferando bactérias.

Enfim, toda a sua estrutura predial possui um tempo de garantia. É como se fosse um carro. Você precisa verificar o motor, as lanternas, as rodas e até abastecer, não é mesmo? Se você apenas utilizar o carro sem fazer nenhum tipo de manutenção, vai chegar uma hora que o carro vai estragar e parar de funcionar. O mesmo acontece com a estrutura física de seu negócio.

E para a manutenção predial existem 3 tipos! A preventiva, a preditiva e a corretiva.

A preventiva é a que dá menos trabalho e já se encaixa em um planejamento prévio da empresa. Ela é feita ANTES da necessidade de reparos, através de atividades que ajudam na conservação, e é feita periodicamente, sendo realizada com base em cronogramas.

A segunda, também faz parte de uma manutenção planejada e acaba sendo mais completa que a preventiva, pois ela realiza uma inspeção sistemática que avalia a vida útil de cada equipamento e instalação, observando as condições reais daquele momento e não de acordo com os índices de funcionamento. A diferença entre essas duas é que, na PREDITIVA, se for observado um possível problema, já pode ser feito na hora uma manutenção corretiva planejada.

Já a corretiva, na maioria das vezes acontece sem planejamento e acaba saindo mais cara! É realizada para corrigir um problema, feita apenas depois que um aparelho estragou ou quando a estrutura já está desgastada. 

Portanto, se você ainda não tem a manutenção predial inserida no planejamento da sua empresa, veja quais os benefícios de incluí-la. 

Uma rotina de manutenção predial te ajuda a economizar dinheiro

Você prefere pagar por apenas um fio ou por toda uma fiação? Só um fio custa muito mais barato, não é mesmo?! Se você fizer a manutenção preventiva, vai conseguir perceber alguns ajustes necessários e evitar problemas maiores no futuro. É melhor trocar um fio antes que gere um curto circuito, por exemplo!

Além dos perigos de incêndio, e do risco da sua empresa ficar sem funcionamento, você vai perder muito dinheiro trocando toda a fiação e comprando equipamentos novos. Isso vale não só para os problemas elétricos, mas também problemas hidráulicos, e tudo mais que envolver a estrutura predial.

Manutenção predial garante a segurança

Você já deve ter visto muitas notícias de prédios que desabaram ou pegaram fogo e colocaram em risco a vida de várias pessoas! Isso são casos extremos que acontecem por falta de manutenção.

Além disso, é importante ressaltar que, na hora de escolher a empresa prestadora de serviço para executar a manutenção, pesquise para ter a certeza de que são profissionais especializados e competentes para realizar aquele serviço.

Cada tipo de problema tem um profissional específico.

  • Os encanadores: cuidam da parte hidráulica, portanto os sistemas de água e esgoto ficam por conta deles;
  • Os eletricistas: são essenciais para cuidar das fiações e alguns problemas com iluminação;
  • Os engenheiros: esses são os responsáveis pelas vistorias especializadas e são eles quem atualizam os projetos construtivos quando há alguma intervenção, além de elaborarem o Plano de Manutenção Preventiva, se a sua empresa ainda não tem um.
  • Os pedreiros e pintores: ajudam nos reparos da infraestrutura básica;
  • Auxiliares de limpeza e jardineiros: deixam tudo limpo e bonito para conservar as áreas em geral.

Zelar pela saúde dos colaboradores

Você sabia que um ar condicionado velho, em mau uso, acaba proliferando bactérias e mofos e isso pode causar vários problemas de saúde? Tanto você quanto seus funcionários podem ficar doentes por falta de higiene. Lembre-se que um ambiente limpo, bem conservado e organizado garante o bem-estar e melhora a produtividade.

Manter o funcionamento adequado

Fechar as portas da empresa, mesmo que seja por um período, pode ocasionar sérios prejuízos. Ainda mais quando isso acontece de forma inesperada e por conta de um problema que poderia ter sido evitado! Vamos imaginar que uma infiltração se tornou um sério problema e vai ter que interditar boa parte da empresa para fazer uma grande reforma! Seus funcionários não vão poder trabalhar, mas deverão continuar recebendo. Seus clientes vão ficar sem atendimento e, se forem até o local, terão uma péssima percepção da sua marca. 

Se não for possível manter os serviços em dia, você acaba perdendo os clientes também. Portanto, pense a longo prazo quando precisar investir em manutenção predial! Lembrando que: pensar a longo prazo não significa que você tenha que tomar uma atitude apenas daqui alguns anos, viu?! As ações precisam ser tomadas agora, no presente, para evitar dor de cabeça (e no bolso) no futuro.E só para esclarecer: se você está pensando: “aa, mas a minha empresa não é grande, é apenas uma casa e não um prédio”. Pois saiba que a manutenção predial é necessária em qualquer tipo de edificação. Seja um prédio industrial, ou condomínio, casas, edifícios. E agora? Conseguiu entender a importância disso? Quando será colocado no planejamento da empresa?

0 Shares:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.